Efforts of Nature IV | Exposição de Morgan Quaintance

de Fio Condutor

Morgan Quaintance inaugura a sua primeira exposição em Portugal, Efforts of Nature IV, na Solar – Galeria de Arte Cinemática em Vila do Conde, de 13 de Julho a 31 de Agosto. A exposição apresentará um corpo de trabalhos inédito e site specific, que incita reflexões articuladas em torno da passagem do tempo, da mortalidade, da dissolução do corpo e da desintegração das calotas polares. Morgan Quaintance é um artista e escritor sediado em Londres, cuja prática artística cruza o cinema experimental, o filme ensaístico, a autobiografia documental e o trabalho articulado de som.

Além dos seus textos criticamente incisivos serem integrados em publicações como Art Monthly e the Wire, as suas obras cinematográficas têm sido exibidas em diversos festivais, como o Festival Internacional de Cinema de Roterdão e o Open City Documentary Festival de Londres, bem como em importantes instituições incluindo o MoMa, em Nova Iorque, e o Konsthall C, em Estocolmo. Já no Curtas Vila do Conde, Quaintance é uma presença bem (re)conhecida, tendo por três vezes integrado a Competição Experimental do festival, vencendo-a em 2020 e 2021 com as obras South e Surviving You, Always, respetivamente.

Cruzando documentação e material arquivístico e encontrado com filmagens próprias, Quaintance trabalha imagens em movimento e sonoridades alargadas que resultam numa malha de texturas justapostas, intercetantes e perspicazmente ambientadas. As suas obras são autênticos corpos de memórias, imbuídos em retratos expandidos, individuais e coletivos, que navegam experiências culturais e sociopolíticas. Interessado nas matérias da condição humana, da etnografia, da contracultura, do cultic milieu, dos ambientes construídos e em histórias Afro-Caribenhas, Britânicas e da Ásia Oriental, o trabalho do artista instrumentaliza os fluxos temporais, para escavar narrativas complexas, que sendo recuperadas do passado, se mantêm incisivas e reativas à contemporaneidade.

De 12 a 21 de julho, o 32º Curtas Vila do Conde – Festival Internacional de Cinema apresenta um programa completo dedicado a Morgan Quaintance, incluindo um conjunto de sessões que combinam uma retrospetiva parcial da sua obra cinematográfica com uma Carta Branca do artista, permeando e expandindo em sala os diálogos e influências que as suas escolhas estabelecem. O programa completa-se com uma visita guiada, incidente sobre a exposição, e uma masterclass, onde Quaintance refletirá sobre o peso da falência física do corpo no momento da criação artística, com base na sua própria experiência com a dor crónica.

Efforts of Nature IV aponta para uma das dualidades existenciais e tensões psicológicas definidoras da vida contemporânea: a atração e repulsão na tomada de consciência e preocupação entre os estados mentais individuais e as mudanças planetárias das condições ambientais.”

— Morgan Quaintance

EXPOSIÇÃO
· Exposição | 13 JUL — 31 AGO 2024
· Inauguração | Sáb. 13 JUL, 16:30
· Visita guiada c/ Morgan Quaintance | Ter. 16 JUL, 16:00

12 — 21 JUL | 14:00 – 22:00
22 JUL — 31 AGO | Seg. a Sáb., 14:00 – 18:30
[Entrada gratuita]

 

Efforts of Nature one

 
_

Sabe mais em solar.curtas.pt

1 comentário
1

Related News

1 comentário

Curtas Vila do Conde – Festival Internacional de Cinema | 32ª Edição - Fio Condutor 9 de Julho, 2024 - 14:33

[…] nas obras de Bertrand Mandico e Elina Löwensohn, Alberto Vázquez, Laura Ferrés e Yorgos Zois, o programa em diálogo com a Solar – Galeria de Arte Cinemática da autoria de Morgan Quaintance e a vasta programação de propostas de cine-concertos do Stereo, o Curtas 2024 integra ainda uma […]

Responder

Deixa Um Comentário